Quais são os sinais e sintomas que indicam a necessidade do tratamento de canal?

Dor de dente que pode durar horas, muita sensibilidade à variação de temperatura (quente e frio), dor pulsátil, dor irradiada para outros dentes (não é possível definir em qual dente exato está a dor, tamanha a intensidade).

Toda dor de dente indica a necessidade de tratamento de canal?

Não, a inflamação da polpa, popularmente conhecida como dor de dente, pode ser classificada como reversível e irreversível. A reversível é caracterizada por uma dor de curta duração que se dissipa após a remoção do estímulo. Ela também é caracterizada por sensibilidade apenas às temperaturas frias e pode ser considerada uma dor localizada. Esse tipo de dor diminui quando removido o agente agressor, no caso, a cárie. Portanto, esses casos não necessitam do tratamento de canal. Mas, se essa dor não for tratada, pode evoluir para uma inflamação irreversível e para este caso, o tratamento endodôntico é indicado.

Em quantas sessões é feito o tratamento de canal?

O número de sessões para o tratamento de canal depende do estado do dente. Se o dente não estiver infectado, uma sessão de tratamento é suficiente. Em casos de infecções maiores, duas ou mais sessões podem ser necessárias para promover uma boa limpeza e descontaminação da câmara pulpar.

E se o tratamento de canal não for realizado?

Se o tratamento de canal não for realizado, a necrose da polpa pode se estender para a região do ápice, região final da raiz do dente, podendo ocasionar reabsorção óssea, formação de granulomas e cistos, além de afetar outros dentes adjacentes. Consequências mais graves, como uma bacteremia (presença de bactérias na corrente sanguínea) são raras, mas podem ocorrer.

Quer saber mais?

Informe seus dados e a Qualimplan liga para você!

Generated with Avocode.WhatsappRetângulo 175whatsappCaminho 694Caminho 695